terça-feira, 4 de fevereiro de 2014

Vinhos do Brasil: Casa Venturini

Para começar nosso especial sobre o vinho no Brasil. Vamos escrever sobre a Casa Venturini, que se localiza em Flores da Cunha à 40km de Bento Gonçalves.

A casa é uma parceria de José Venturini e a conhecida Goés, de São Roque-SP.

Embora tenha décadas de experiências com uvas e vinhos, iniciou em 2001 a vinificação de vinhos finos e hoje tem linhas respeitadas como a Chardonnay e a Tannat, que são os carros chefes da vinícola. Também lançará este ano o Pinot Noir. Suas uvas principais são provenientes da divisa com Uruguai (Campanha Gaúcha), uma região que ganha cada vez mais destaque no Brasil com uma produção de uvas de excelente qualidade.

A visita à casa é um programa muito indicado para quem quer conhecer a serra gaúcha. Principalmente quem quer o contato com a produção crua e a possibilidade de degustação de quase toda uma linha de vinhos. Gostamos muito de nossa visita à casa.

Para grupos de visitantes é disponível a degustação vertical de Chardonnay, que o que significa a possibilidade de experimentar os melhores rótulos de chardonnay que a vinícola produziu desde 2007. Pode-se provar cada exemplar de 2007 até 2011, sendo possível notar toda a evolução e mudança deste excelente vinho. Só ligar e reservar.
 

Outra boa dica é o espaço disponível para jantares, almoços, reuniões e confrarias. Uma ambiente bem aconchegante com toda estrutura para servir bons vinhos e harmonização. Conta até com um fogão a lenha para esquentar as noites frias e preparar os mais variados pratos.

Como Chegar?
 

Saindo de Bento Gonçalves, siga em sentido Caxias do Sul e depois Flores da Cunha. Antes de chegar a Flores, várias placas vão te indicar o caminho da vinícola. É bem fácil, não tem erro e vale a pena.
Nas próximas semanas traremos um especial mais completo da vinícola, com entrevista especial com José Venturini e outras dicas sobre os exemplares da vinícola.

Porque visitar a Vinícola?
 
A Vinícola é tudo aquilo que o turista curioso e
entusiasmado precisa conhecer. Ela foge aos padrões de grandes comércios e te possibilita conhecer a produção e degustar ótimos vinhos. Seus funcionários são bastante atenciosos e contribuirão para o seu aprendizado.

José Ventuniri, é um dono zeloso e cuidadoso nos mínimos detalhes da produção. Isso tornará sua visita à vinícola no destaque da sua viajem pelo sul do país.

O que não pode perder?
 

Não se esqueça de degustar o Chardonnay, este que está nos últimos cinco anos entre os melhores do Brasil na Avaliação Nacional de Vinhos. Eu pessoalmente também recomendo muito o Tannat da casa.
Visitas
 
Segunda à sexta - 8h30 às 11h30 e 14h00 às 17h30
Sábados, domingos e feriados - agendamento prévio de três dias.


Se for visita-la não deixe de conciliar a visita com a vinícola Luiz Argenta, são bem próximas.

Informações


Boa Viagem!




Um comentário: