terça-feira, 30 de maio de 2017

Vinhos de Portugal - Especial Vinho do Porto


quarta-feira, 17 de maio de 2017

CANTU DAY 2017

CANTU DAY 2017 COMEÇOU A 5ª EDIÇÃO DO AGUARDADO EVENTO DO UNIVERSO DO VINHO

Cantu Day promove a degustação de mais de 270 rótulos de 13 países produtores em 5 capitais brasileiras e apresenta lançamentos do Chile, França e Itália.

Já estão à venda os ingressos para a 5ª edição do Cantu Day (www.cantuday.com.br), importante evento do universo do vinho que reunirá mais de 270 rótulos de 13 países produtores para degustação em 5 capitais brasileiras. Dentre eles, destaque para os lançamentos da chilena Viña Ventisquero (www.ventisquero.com), da francesa Calvet (www.calvet.com) e da italiana Da Vinci, da Toscana (www.cantineleonardo.it).

Além da oportunidade de experimentar vinhos de diferentes tipos de uva, maturidade e terroir, o evento é uma grande oportunidade para conhecer e conversar com autoridades de vitivinicultura mundial, a exemplo de Edgardo Del Popolo, um dos ícones da viticultura Argentina e gerente-geral da Susana Balbo Wines (www.susanabalbowines.com.ar), produtora do belo vinho NOSOTROS.

Também estarão presentes Alexandre Relvas, proprietário e enólogo da Herdade de Sao Miguel (www.herdadesaomiguel.com); Pedro Poças, proprietário da Poças Junior (www.pocas.pt), que elabora grandes vinhos do Porto e Douro; Paulo Giusti, proprietário da Giusti i Zanza Vigneti e produtor do Dulcamara, um dos vinhos Supertoscanos mais destacados; e Francisco Ruidiaz, diretor da Viña Ventisquero (www.ventisquero.com), com seus ícones Vértice, Pangea e Grey, altamente pontuados pela critica internacional e reconhecidos do mercado brasileiro e será lançado o Grey Sauvignon Blanc 2016. Além deles, estarão presentes produtores de várias regiões do mundo.

IngressosOs ingressos para pessoa física das 4 etapas da 5ª edição do Cantu Day devem ser adquiridos exclusivamente pelo site Foodpass, por R$ 90. No dia do evento, o participante ganha uma taça.

Cidades As etapas acontecerão nas cidades de Belo Horizonte (16/05/17), Rio de Janeiro (18/05/17), São Paulo (23/05/17) e Curitiba (25/05/17). No mês de agosto (08/08/17), haverá mais uma etapa no Recife.

Cantu Day Belo Horizonte


Dia 16.05.17 das 16 às 21h

Local do evento: Espaço Meet - Av. Raja Gabaglia, 2671 foodpass.com.br/cantu-importadora-de-bebidas-ltda-foodpass-com-br-cantu-day-bh2017

Cantu Day Rio de Janeiro

Dia 18.05 das 16 às 21h

Local do evento: Iate Clube do Rio de Janeiro - Av. Pasteur, 333 foodpass.com.br/cantu-importadora-de-bebidas-ltda-https-foodpass-com-br-cantu-importadora-de-bebidas-ltda-foodpass-com-br-cantu-day-rj2017

Cantu Day São Paulo

Dia 23.05.17 das 16 às 21h

Local do evento: Espaço Infinitto - Av. Moffarej, 167 foodpass.com.br/cantu-importadora-de-bebidas-ltda-https-foodpass-com-br-cantu-importadora-de-bebidas-ltda-foodpass-com-br-cantu-day-sp2017

Cantu Day Curitiba

Dia 25.05.17 das 16 às 21h

Local do evento: Buffet Nova Curitiba - Rua Paulo Gorski, 510 foodpass.com.br/cantu-importadora-de-bebidas-ltda-https-foodpass-com-br-cantu-importadora-de-bebidas-ltda-foodpass-com-br-cantu-day-cwb2017

Cantu Day Recife

Dia 08.08.17 das 16 às 21h

Local do evento: a confirmar 

Vendas: ainda não disponível

App

Os visitantes também contarão com o apoio do aplicativo Cantu Day 2017. Nele os enófilos poderão consultar informações sobre o evento, expositores e muito mais.

Sobre a Cantu Importadora

Empresa do grupo Cantu que iniciou suas atividades no ano de 2004 quando passou a representar com exclusividade no Brasil os vinhos da chilena Viña Ventisquero. Atualmente conta com uma seleção de vinhos reconhecidos e premiados internacionalmente, provenientes de 11 países, sendo mais de 400 rótulos de vinho de 75 produtores, além da cerveja artesanal Insana, produzida em Palmas (PR), e da cerveja tailandesa Singha. Atualmente possui matriz em São Paulo e filiais em Recife, Curitiba, Belo Horizonte e Rio de Janeiro, além de armazém central na cidade de Itajaí (SC).


terça-feira, 16 de maio de 2017

Viña Marro Vendimia Seleccionada 2014

Vinícola: Domeco de Jarauta
País: Espanha
Região: Rioja
Tipo: Tinto
Uvas: 100% Tempranillo
Álcool: 14%

Um tipico vinho de Rioja, o Viña Marro Vendimia Seleccionada 2014 representa bem a região. A Domeco de Jarauta reserva esse vinho por 06(seis) meses em barricas de carvalho e mais 08(oito) na garrafa.

Notamos no Viña Marro Vendimia Seleccionada 2014 um vinho com a coloração rubi forte com pequenas bordas violetas. No olfato apresentou aromas de frutas vermelhas maduras, algo de especiarias e toques de baunilha, entregando o estagio no carvalho(provavelmente americano). Na boca é potente, com boa presença dos taninos e acidez destacada.

Viña Marro Vendimia Seleccionada 2014 acompanhou um pizza de mussarela com pepperoni, foi bem na harmonização.

 

terça-feira, 25 de abril de 2017

O consumo de álcool na história

Promovemos aqui no nosso site a entrevista divulgada pelo canal da Agência Lynx no Youtube. Henrique Soares Carneiro é professor de História Moderna da USP. Sua entrevista é um riquíssimo material sobre a história do álcool na humanidade. Esperamos que gostem.

video


Link da entrevista no Youtube:
https://www.youtube.com/watch?v=9gxR0NlHETc&feature=share

Saúde!

quarta-feira, 19 de abril de 2017

Vinho e Hambúrguer, tudo a ver.

Já faz algum tempo que a moda das hamburguerias artesanais se espalharam pelo Brasil e isso demonstra uma certa tendência do consumidor em buscar qualidade e alternativa às redes de fast food. A crise econômica atingiu em cheio esse setor, principalmente os food truck e exigiu ainda mais especialização e qualidade para sobreviver no mercado.

No intuito de contribuir com o aperfeiçoamento da refeição, tentaremos ajudar na harmonização entre hambúrgueres e vinhos.

Primeiramente precisamos identificar a complexidade do hambúrguer. Qual carne?

Carne de Frango: Em geral vai bem com um vinho branco encorpado, como um Chardonnay com passagem em carvalho.

Carne de Peixe: Hambúrguer de peixe são raros e dificílimos de achar, para quem tem essa sorte recomendamos um vinho branco mais leve e refrescante, como um Sauvignon Blanc.

Carne Vermelha: O bom e tradicional hambúrguer de carne bovina exige de nós mais detalhes para a harmonização:

  • Carne até 120g e queijo: Um vinho frutado e leve, indicamos um Merlot.
  • Carne acima de 120g e queijo : Um vinho com corpo, frutado e com acidez mais acentuada, indicamos um Cabernet Sauvignon.
  • Carne acima de 120g, queijo e molho picante: Indicaria um vinho com corpo e que acompanharia bem o molho, aconselho um Shiraz australiano.

Se a carne for grelhada na churrasqueira, outra boa combinação é um Malbec Argentino com passagem em carvalho. Aliás a Malbec e a Cabernet Sauvignon são sempre boas opções para acompanhar carne vermelha.

Além da carne, a escolha do pão pode influenciar na escolha do vinho quando ele altera, consideravelmente, o sabor do Hambúrguer. Um pão com sabor adocicado vai exigir um vinho com tanino suaves e frutados, geralmente um bom Merlot atende essa expectativa. Um pão picante ou amargo com uma carne gordurosa te induz a escolher um vinho encorpado e com taninos marcantes, como um Cabernet Sauvignon.

Bom, nos parece diversificada e uma delícia a combinação entre hambúrguer e vinho. E você, já fez a sua? Envie seu comentário com sua combinação.


Saúde!


terça-feira, 14 de março de 2017

Vem aí a ExpoVinis 2017

Entre os dias 6 e 8 de junho de 2017, São Paulo (SP) sediará a 21ª edição do ExpoVinis Brasil, considerado o principal encontro de vinhos na América Latina, com mais de 400 marcas expositoras. São tintos, brancos, rosés e espumantes protagonizando três dias de programação intensa para profissionais e apreciadores da bebida: além de degustações, a feira promove rodadas de negócios, palestras e provas especiais, conduzidas por profissionais que são referência no mercado.

Brasil, Chile, Portugal e Argentina são alguns dos países que já confirmaram presença no ExpoVinis, onde vão apresentar suas tendências em consumo e produção. Importantes associações, como o Instituto Brasileiro do Vinho (Ibravin) e aWines of Chile, vão organizar a participação de vinícolas representativas de seus terroirs. O visitante poderá fazer uma verdadeira volta ao mundo do vinho através de suas taças, além de fechar negócios com alguns dos principais players do segmento.

“Estamos preparando um grande evento. O ExpoVinis já se consagrou como o encontro anual do vinho no Brasil, quando reúne expositores e compradores de todo o país, ampliando as possibilidades de negócios e montando um painel do que vem sendo produzido e discutido no setor. Nosso papel fundamental é promover o contato entre empresários, produtores, compradores e consumidor e contribuir com o conhecimento e a informação sobre o segmento através deconteúdos ministrados por grandes profissionais”, resume Clélia Iwaki, diretora da feira, que é organizada pela Informa Exhibitions.

Fórum ExpoVinis

Os dois primeiros dias do ExpoVinis Brasil serão dedicados à discussão de atualidades da produção e comercialização vitivinícola. Para isso, vai trazer o renomado crítico internacional Luis Gutiérrez (foto), que integra o grupo de degustadores da revista The Wine Advocate, assinada por Robert Parker, referência máxima no mundo do vinho.

No dia 6 de junho, terça-feira, Luis Gutiérrez fala sobre o tema ‘Os Rumos da Indústria Mundial dos Vinhos na Era Pós-Robert Parker - Como será a readequação das escalas de pontuação e suas influências no mercado de vinhos no Brasil’. Também serão debatidos por especialistas do mercado os ‘Vinhos Orgânicos e a Produção Biodinâmica’, as ‘Tendências e Perspectivas do Vinho Chileno’ e ‘A Diversidade das Regiões Vitivinícolas Brasileiras’.

Ainda no dia 6, Celito Crivellaro Guerra, pesquisador da Embrapa Uva e Vinho, vai tratar da produção e técnicas de cultivo de uvas nas regiões brasileiras do Vale do São Francisco, Serra da Mantiqueira e Sul de Minas.

Na quarta-feira, dia 7 de junho, o Fórum ExpoVinis será dedicado a importadoras, restaurantes e varejo. Ari Gorenstein, CEO da loja online Evino, abordará o ‘Comércio Eletrônico no Setor de Vinhos e Programas de Fidelização’. Com foco nos restaurantes, ‘Inovação em Composição da Carta de Vinhos – Como grandes Sommeliers compõem suas cartas’ é o tema da palestra dos sommeliers João Pichetti, do restaurante D.O.M., e Thiago Locatelli, do Varanda Grill.

Jorge Lucki, consultor do ExpoVinis Brasil e um dos mais renomados colunistas de vinhos do país, vai falar sobre ‘Harmonizações de vinhos clássicas e ousadas’. Em seguida, a sommelière Gabriela Bigarelli apresenta o tema ‘Melhorando a Relação com as Importadoras – Gerenciamento de preços e impostos’. ‘Tendências em Wine Bar aliadas à Boa Comida’ é a palestra de Rafael Ilan, sócio do Bardega Wine Bar.

O Fórum ExpoVinis será encerrado com as discussões sobre o varejo de vinhos: como trabalhar o vinho em um cenário de instabilidade econômica, diversificação do portfólio, como aumentar a rentabilidade no varejo através da importação direta e a relação de precificação de vinhos importados e nacionais.

A grade completa com os horários e todos os temas será divulgada em breve em www.expovinis.com.br.


RODADAS DE NEGÓCIOS

O ExpoVinis voltará a cumprir sua missão fundamental de mediar o contato entre compradores e expositores durante as Rodadas de Negócios. Este ano, o objetivo é ampliar o número de compradores convidados para potencialização dos negócios que a feira promove. Em 2016 foram realizadas mais de 300 reuniões com a participação de empresas compradoras das áreas de importação e distribuição, além de lojas especializadas (físicas e e-commerce) e supermercados.


TOP TEN E WINE BLOG HUNTER

Os dez vinhos de destaque no evento serão conhecidos no primeiro dia da feira, quando é divulgado o resultado do aguardado concurso TOP TEN. A prova, realizada há mais de uma década, conta com um júri capitaneado por Jorge Lucki, único membro brasileiro da tradicional Académie Internationale du Vin.

O Wine Blog Hunter também voltará a eleger o Melhor Tinto e o Melhor Branco do evento com preço de até R$ 70,00 (para o consumidor final). A prova é coordenada por Cesar Adames e conta com blogueiros influentes do Brasil, que “caçam” pelos estandes os vinhos que consideram os mais destacados.

O ExpoVinis Brasil acontece no Pavilhão Branco do Expo Center Norte simultaneamente à Fispal Food Service, Fispal Sorvetes e Fispal Café. O objetivo é que o salão internacional do vinho complemente o calendário de feiras voltadas à cadeia produtiva de alimentos e bebidas, apresentando os destaques do promissor mercado vitivinícola aos profissionais já envolvidos na cadeia de food service, ampliando, assim, os intercâmbios que as feiras promovem.


SERVIÇO

ExpoVinis Brasil 2017 | 21º Salão Internacional do Vinho
6 a 8 de junho
Dias 6 e 7, das 13 às 21 horas. Dia 8, das 13 às 20 horas.
O dia 6 é exclusivo para profissionais do setor. Aberto ao consumidor final nos dias 7 e 8 de junho a partir das 17 horas.

Expo Center - Norte Rua José Bernardo Pinto, nº 333, Vila Guilherme / São Paulo

Informações sobre horários do Fórum ExpoVinis, palestras e degustações, acesse: www.expovinis.com.br

Portugal Wine Expert acontecendo em São Paulo


quinta-feira, 9 de março de 2017

Ótima seleção do Vinho Clube de Fevereiro

Esse mês o VinhoClube caprichou, recebi dois ótimos vinhos. Talvez tenha sido a melhor seleção que recebi desde que iniciei essa experiencia com o VinhoSite.

Domaine Viranel Rendez-Vous 2014 foi um acerto e tanto. Há algum tempo tenho apreciado muito a casta Cabernet Franc, este vinho de Languedoc é um Assemblage com Cabernet Franc (50%) e Cabernet Sauvignon (50%), apresentou bem as características da casta. Um vinho elegante, leve e bastante agradável. Destaca-se com aromas de frutas vermelhas e especiarias no olfato e um bom final de boca.

Quinta do Ribeiro Santo Tinto 2014 foi o outro vinho tinto com boa complexidade que veio na seleção do mês. Já é o terceiro vinho da Ribeiro Santo que analiso no Simplificando Vinho e todos agradaram, uma vinícola de ótima qualidade. Quinta do Ribeiro Santo Tinto 2014 agrada pela sedosidade na boca e um final de boca bem persistente. Um vinho com ótima acidez e que acompanhou muito bem uma bruschetta de quatro queijos.


Saúde!

quarta-feira, 15 de fevereiro de 2017

Vulcanus Alpha Tempranillo 2014

Vinícola: Encomienda de Cervera
País: Espanha
Região: Castilla - La Mancha 
Tipo: Tinto
Uvas: Tempranillo e Cabernet Sauvignon
Álcool: 14%
Preço: R$102,00

A vinícola Encomienda de Cervera está localizada no coração do maciço vulcânico Campo de Calatrava, localizada em Alméria na Espanha.

Medalha de Ouro no Mundus Vini, o Vulcanus Alpha Tempranillo 2014 foi envelhecido 3 meses carvalho francês. 

Vamos ao vinho, na taça apresenta coloração rubi escuro com reflexos tímidos. No olfato destaque para aromas de de frutas maduras em combinação com especiarias. Na boca é equilibrado, com taninos domamos e boa acidez. Final de boca com média persistência e agradável.

Uma boa combinação entre a Tempranillo e a Cabernet Sauvignon. Vulcanus Alpha Tempranillo 2014 fez parte da seleção do Clube de Vinhos(VinhoClube) do Vinho Site. Ele pode ser adquirido separadamente no site.

quinta-feira, 19 de janeiro de 2017

De Muller Solimar Crianza 2014

Vinícola: De Muller
País: Espanha
Região: Tarragona
Tipo: Tinto
Uvas: Cabernet Sauvignon e Merlot
Álcool: 13,5%
Preço: R$71,99


Seguimos com a degustação dos vinhos do mês de Dezembro do Clube de Vinhos do VinhoClube. Já experimentamos o ótimo
Rosso Toscano Rivus 2014 e hoje vamos para a região D.O Tarragona, situada na região da Cataluña e que tem grande destaque na produção de CAVA's.

O vinho será o De Muller Solimar Crianza 2014, que tem como castas principais a Cabernet Sauvignon e a Merlot, ele tem passagem no carvalho e alguns meses na garrafa amadurecendo. 


Vamos ao vinho. Na taça apresenta uma coloração viva, rubi com brilho intenso e bordas violetas. No olfato tem boa complexidade, com aromas de frutas maduras, charuto, pimenta do reino e notas de chocolate. Na boca é equilibrado, com boa acidez e taninos bem domados. Final de boca agradável e com boa persistência.

De Muller Solimar Crianza 2014 é um vinho fácil de beber e com boa complexidade. Vale o investimento, um vinho honesto. VinhoClube acertou novamente na escolha dos vinhos do mês.

Saúde!

quarta-feira, 11 de janeiro de 2017

Casa Rio Verde faz três edições do curso de iniciação ao mundo do vinho em Janeiro

CASA RIO VERDE FAZ TRÊS EDIÇÕES DO CURSO DE INICIAÇÃO AO MUNDO DO VINHO EM JANEIRO.

Que tal começar o ano aprofundando seus conhecimentos sobre o vinho, bebida cada vez mais popular na mesa dos brasileiros? A Escola de Vinhos da Casa Rio Verde abriu inscrições para três edições do curso “Iniciação ao Mundo do Vinho”, em janeiro.

Duas edições acontecem durante a semana: de 23 a 25/jan e de 30/jan a 1/fev. São três horas de aula/dia, totalizando nove horas de curso. Para quem prefere fazer o curso no final de semana, haverá uma turma no sábado, dia 28 janeiro, também com 9 horas de duração.

O curso abrange informações teóricas como tipos de uva, regiões produtoras, dicas de harmonização. Na parte prática, são degustados 12 rótulos, cada um de um estilo de vinho. As aulas acontecem na sala de treinamento da loja da Praça Marília de Dirceu, 104, bairro de Lourdes.

A novidade é que agora, além das lojas da Casa Rio Verde e do telefone 3116-2301, o interessado pode fazer a inscrição pelo site, no link www.vinhosite.com.br/vinhos/curso .


SERVIÇO - CURSO DE INICIAÇÃO AO VINHO - CASA RIO VERDE – JANEIRO

Turma 1 - 23,24 e 25 de janeiro (19 às 22H)

Turma 2 – 28/janeiro (9 às 19h)

Turma 3 – 30,31/jan e 1/fev (19 às 22h)

Carga horária: 9 horas

Degustação: 12 rótulos de diferentes estilos

Local: Casa Rio Verde - Praça Marília de Dirceu, 104 – Lourdes

Valor do investimento: R$ 299 por pessoa (capacidade 18 pessoas) – sócios do VinhoClube da Casa Rio Verde pagam R$209,30.

Inscrições e informações: www.vinhosite.com.br/vinhos/curso

Telefone: 31-3116-2300

terça-feira, 10 de janeiro de 2017

Rosso Toscano Rivus 2014

Vinícola: Poggio Nardone
País: Itália
Região: Toscana
Tipo: Tinto
Uvas:(70%) Sangiovese, Canaiolo e Trebbiano
Álcool: 13,5%
Preço: R$93,50


A oferta de vinhos italianos no Brasil sempre foi muito grande e nem sempre a qualidade atendia a nossa expectativa, principalmente os vinhos com origem na Toscana. Aqui chegou muito vinho ruim, que atraiam principalmente pelo preço, mas que gerou uma desconfiança no público pela qualidade duvidosa.

Ao abrir e degustar o Rosso Toscano Rivus 2014, certamente escrevo com a certeza que é um vinho que vai agradar aos diversos públicos que buscarm um vinho agradável, versátil e de bom custo beneficio.

Vamos ao vinho: na taça apresenta uma coloração rubi, com reflexos de vinho jovem. No olfato é frutado, com toques de especiarias e algo de folhas secas. Na boca é agradável, com boa acidez e um final de boca de boa persistência.


Rosso Toscano Rivus 2014 é um vinho do VinhoClube, um clube de vinhos do site VinhoSite. Essa experiencia tem me agradado muito, sempre enviam vinhos com ampla aceitação entre os amigos, fáceis de beber e praticos na harmonização.

Saúde!

quinta-feira, 5 de janeiro de 2017

Harmonizando vinho com Tagliatelle com sardinha, alho e salsinha refogada.

Tagliatelle com sardinha, alho e salsinha refogada.

Coloque a água da massa para ferver.

Pique um punhado de salsinha e dois dentes de alho.

Deite um fio de azeita na panela e coloque o alho pra perfumar o azeite.

Quando sentir o aroma, coloque a salsinha e sinta o perfume que vai subir. Agradeça por mais esse dia de vida e coloque todo o conteúdo de uma lata de sardinha inclusive o óleo ou azeite (recomendo fortemente a marca de sardinha portuguesa Bon Apetit; vende no Mundial e custa só um pouco mais que as de menor sabor).

Quanto melhor a sardinha, mas Deus vai abençoar o prato. Falei da pimenta? Pode colocar pimenta moída, ao gosto do freguês. Senta pimenta que não é pecado.

Refogue e com a colher determine o tamanho final da sardinha. Quanto menos mexer, mas rústico ficará. Eu mexo bem que é pra perfumar a casa dos vizinhos.

Jogue a massa na água fervendo e coloque o sal. Enquanto espera, rale o parmesão.

Em uma tigela, coloque parte do parmesão ralado e um ovo (se for ovo caipira fica melhor). Misture só o suficiente para mesclar tudo.

Escorra toda a água da massa e volte a panela. Acrescente a mistura de ovo com parmesão e misture até formar uma leve camada de molho cremoso, da mesma maneira como é feito no espaguete à carbonara.
Espere alguns segundos o ovo cozinhar no calor da massa.

Jogue o refogado de sardinha e finalize com um fio de azeite e parmesão.

Pronto.

Harmonização

Uma ótima dica para harmonizar um bom vinho com o Tagliatelle com sardinha é um vinho branco encorpado. Recomendo um Chardonnay com passagem em barrica de carvalho.

Foto e receita de Bruno Durante