Mostrando postagens com marcador Argentina. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador Argentina. Mostrar todas as postagens

sexta-feira, 23 de agosto de 2013

Terrazas Reserva Malbec 2010

Vinícola: Terrazas De Los Andes
País: Argentina
Região: Mendoza
Tipo: Tinto
Uva: Malbec
Álcool: 14,5%
Preço: R$28


Terrazas De Los Andes é uma das principais bodegas argentinas. Tem um reconhecimento internacional e varias premiações. Este exemplar comprei por uma pechincha, R$28,00; Normalmente é negociado na faixa do R$60,00.
É um vinho certo para quem não quer errar na escolha de um malbec, ele representa bem toda tipicidade da casta no terroir mendocino.

Na taça me apresentou uma cor bem intensa, rubi com reflexos violetas bem presentes. No olfato se mostra com notas frutadas, ameixa e amora. O seu estagio em carvalho francês, se faz presente com aromas de tabaco e baunilha. Na boca é "carnudo", com taninos presente e um final de boca persistente. O álcool se faz presente, um pouquinho acima do ideal.

É um ótimo vinho,  comprei em uma promoção de supermercado. Em um excelente custo benefício. Harmoniza muito bem com aquele churrasco de domingo.

Nota: 89/100

 Visual
 Rubi com  bordas violetas
 Olfato
 Futas Vermelhas, tabaco e baunilha
 Gustativo
 Encorpado, taninos presentes, boa persistencia e "quente"
 Harmonização
 Cornes Vermelhas

Por Jonas Magalhães

sábado, 17 de agosto de 2013

Bodega Goulart C Clásico 2011

Vinícola: Bodega Goulart
País: Argentina
Região: Mendoza
Tipo: Tinto
Uva: Malbec
Álcool: 13,7%
Preço: R$27,20

Um vinho simples e honesto. Bodega Goulart C Clásico 2011 se mostra uma boa opção para o dia a dia. 
Na taça apresenta um rubi intenso e bordas violetas. No olfato é frutado, notas de doce em compota e cereja. Na boca é sedoso, fácil de beber e bem macio. Final de boca com media persistência.
Acompanhou muito bem um lanche e teve um bom custo benefício. Vinho sem erros e agradável.  

Nota:82/100

 Visual
 Rubi com bordas violetas
 Olfato
 Frutado, doce compotas e cereja
 Gustativo
 Sedoso, fácil de beber e macio
 Harmonização
 Pizza e lanches

sábado, 27 de julho de 2013

Trivento Reserve Malbec 2011

Vinícola: Trivento
País: Argentina
Região: Mendoza
Tipo: Tinto
Uva: Malbec
Álcool: 14%
Preço: R$30,00


Um vinho muito bem recomendado e bem avaliado. Depois de alguma procura, achei o Trivento Reserve 2011, premiado na Trophy Wines 2013, esse vinho me deixou com grande expectativa e deixou boas impressões.
Na taça me apresentou uma cor rubi, com bordas violetas. No olfato me agradou bastante, presença forte de frutas vermelhas, notei aromas de cereja, amoras e morango. Acompanhando um toque de especiarias e um fundo de baunilha. Na boca esperava um vinho mais encorpado, contudo se mostrou equilibrado, potente, com taninos presentes e a acidez na medida. Frutado com um final apimentado(especiarias) e persistente.
Um ótimo Malbec, sem dúvida o melhor que experimentei este ano, nessa faixa de preço. 

Nota: 88/100



Visual
 Rubi com borda violáceas
Olfato 
 Frutas vermelhas, especiarias e baunilha
Gustativo
 Equilibrado, corpo médio, potente e persistente
Harmonização
 Churrasco 
Por Jonas Magalhães

sábado, 20 de julho de 2013

Goulart T 2012

Vinícola: Bodega Goulart
País: Argentina
Região: Salta
Tipo: Branco
Uva: Torrontés
Álcool: 14,2%


O clima tropical do Brasil é ideal para apreciar vinho leves e refrescante. Por isso o vinho branco é sempre bem indicado para os dias quentes.

O Goulart T 2012, da uva Torrontes, é um bom exemplar da casta que está em expansão no mercado. A bebida é leve, refrescante e frutada. Na taça apresenta uma coloração lembrando palha, com dourado claro nos bordos.

No olfato percebemos, sem pestanejar, aromas de frutas e flores brancas, com destaque para o lírio, o melão e a pêra. Na boca é refrescante, equilibrado e um pouco amanteigado. É ideal para acompanhar frango, legumes cozidos e comidas aromáticas, como a japonesa e a tailandesa.


Hoje talvez sua maior qualidade seja a de custo-benefício. Podemos encontrá-lo por cerca de R$25,00. Sendo assim, fica a dica de um bom vinho branco para os dias quentes, ou ainda, iniciar uma degustação.

Nota: 86/100


 Visual
 Palha com dourado
 Olfato
 Lírio, pera e melão
 Gustativo
 Refrescante, leve e equilibrado
 Harmonização
 Frango e comidas orientais(Japonesa e Tailandesa)

Por Renata Cardoso


terça-feira, 9 de julho de 2013

Fabre Montmayou Reserva Malbec 2009

Vinícola: Domaine Vistalba
País: Argentina
Região: Mendoza
Tipo: Tinto
Uva: Malbec
Álcool: 14,5%
Preço: R$65,00


Um exemplar adquirido em Mendoza, por indicação local. A vinícola Fabre Montmayou, já foi eleita a melhor da Argentina pela grande competição de Londres, International Wine and Spirit Competition – IWSC. Fabre Montmayou  Reserva Malbec 2009 traduz bem toda qualidade em sua produção.
Na taça apresenta uma cor intensa, rubi. No olfato me vêem aromas de frutas vermelhas, como cereja e groselha, com um fundo lemrando especiarias e um toque de baunilha. Na boca é sedoso, com taninos firmes, característicos dos malbec's mendocinos. Apresenta um bom volume na boca, com um toque de compota de frutas vermelhas.
É um vinho que pretendo, sempre que puder, ter em minha adega.

Nota: 87/100



 Visual
 Rubi com tons de violeta.
 Olfato
 Frutas Vermelhas, baunilha e especiarias
 Gustativo
 Sedoso, equilibrado e frutado
 Harmonização
 Carnes Vermelhas
Por Jonas Magalhães

sexta-feira, 21 de junho de 2013

Club des Sommeliers Mendoza Chardonnay 2012

Vinícola: Club des Sommeliers
País: Argentina

Região: Mendoza
Tipo: Branco
Uva: Chardonnay
Álcool: 13.0 %


Club des Sommeliers é um linha exclusiva de uma rede de supermercado que faz vinho em varias regiões. Até hoje não encontrei nenhum exemplar com grande destaque. Um vinho que a principio comprei para usar em uma receita de fondue. A meia garrafa que sobrou, experimentei.
No visual é bem pálido, uma cor fraquinha de palha. No olfato é floral, um pouco de lírio, sem grande complexidade. Na boca um amanteigado, característico da uva Chardonnay, pouco acido e com um leve amargor(desagradável) no retrogosto. Corpo bem leve, refrescante, sem destaque nos aromas. Sem personalidade.
Um vinho que não compraria para tomar.

Nota: 66/100


 Visual
 Palha bem fraca
 Olfativo
 Floral
 Gustativo
 Amanteigado, leve e amargor no final
 Harmonização
 Peixes e Saladas


segunda-feira, 27 de maio de 2013

Alta Vista Classic Torrontés 2011

Produtor: Alta Vista
Tipo: Branco
Castas: Torrontés
Safra: 2011
País: Argentina
Região: Salta
Álcool: 14,0%


Alta Vista é uma das vinícola que mais sabem explorar o potencial da uva torrontes na Argentina, faz ótimo vinhos desta casta. Vale destacar que o terroir de Salta produz ótimos vinhos brancos.
Alta Vista Classic Torrontés 2011 é a linha básica da vinícola para esta casta. Na degustação me apresentou algumas boas características: na taça uma cor palha bem clarinha, esverdeada.  No olfato um aroma forte de abacaxi, que depois foi diminuindo com a sua evolução na taça. Na boca apresentou nitidamente minerais e uma acidez equilibrada e sem grande persistência, foi levemente amanteigado. A bebida evoluiu muito rápido na taça. 
O achei um vinho honesto, vale o que se paga, mais se o leitor puder conhecer a linha premium deste vinho(Alta Vista Premium Torrontés 2011), vale a pena gastar um pouco mais e degustar um dos melhores torrontes da Argentina. Porém se quiser economizar um pouquinho e ainda experimentar um bom vinho branco argentino, o Alta Vista Classic Torrontés 2011 é uma boa dica.

Nota: 85/100


 Visual
 Palha
 Olfativo
 Abacaxi
 Gustativo
 Minerais, equilibrado, pouca persistência.
 Harmonização
 Peixe, camarão, petiscos.

sábado, 27 de abril de 2013

Angélica Zapata Alta – Catena Zapata Alta 2008

Produtor: Catena Zapata 
País: Argentina
Região: Mendoza
Safra: 2008
Uva: Malbec
Álcool: 14%




Podemos dizer que este é um dos melhores vinhos do novo mundo.
Carrega o nome Catena Zapata o produtor que revolucionou a vitivinicultura Argentina, colocando os vinhos do pais vizinho entre um dos melhores do mundo. 

Se trata de um blend de uvas Malbec oriundas de diversos vinhedos com variações de terroir e altitude. Além disso, o vinho passa por um estágio de 18 meses em barril de Carvalho Frances, ressaltando toda sua complexidade.
Apresenta aromas de ameixa, pimenta e frutas vermelhas. Ainda revela uma cor violeta escura e um final de boca persistente.
Excelente vinho para harmonizar com um churrasco.



Por Alexandre Oliveira

terça-feira, 9 de abril de 2013

Polo Profesional Malbec 2011

Hoje abordamos um vinho tipico dos nossos Hermanos: um Malbec.

Depois de ver pela internet as avaliações deste vinho, resolvi comprar, principalmente pelo preço(R$ 28). Não me arrependi, como já tinha lido é uma excelente relação custo-beneficio.

Um vinho fácil de beber, para ele ficar ainda melhor: abra e o deixe respirar por pelo menos meia hora.

É um vinho de visual intenso, apresenta um rubi forte. No olfato não apresenta um buque amplo, mais é bom, a baunilha foi a nota que mais notei.

Na boca é equilibrado, fácilmente o reconhecemos como um bom malbec argentino, é encorpado, com taninos fortes, macio e agradável no final.

Enfim, é uma boa escolha, principalmente se levamos em conta seu preço.

Nota: 83/100