Mostrando postagens com marcador Uruguai. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador Uruguai. Mostrar todas as postagens

quarta-feira, 2 de março de 2016

Don Pascual Reserve Tannat 2012 #CBE

Vinícola: Establecimiento Juanicó
País: Uruguai
Região: Canelones
Tipo: Tinto
Uvas: Tannat
Álcool: 12,5%


Hoje voltamos com as avaliações sobre vinhos, especialmente para Confraria Brasileira de Enoblogs (#CBE).

Don Pascual Reserve Tannat 2012, foi o vinho escolhido para o tema da Confraria de março/2016 e indicado pelo casal Maykel e Anna, do blog Vinho por 2. O tema definido foi: "Tannat do Uruguai, sem limite de preço".

A grande vinícola Establecimiento Juanicó pertence a Família Deicas e é uma excelente opção para enoturismo no Uruguai. A sua linha Don Pascual Reserve Tannat é uma homenagem ao Don Pascual Harriague, pioneiro na produção da casta Tannat no Uruguai.

Escolhido o vinho, vamos para nossa análise. Na taça nota-se uma coloração rubi intenso com reflexo violáceo. No olfato apresenta aromas de frutas vermelhas maduras como a cereja, amora e ameixa, algo leve de pimenta preta. Na boca é forte, com taninos marcando presença, boa acidez e um final de boca agradável e com boa persistência.

É um bom vinho, com boa tipicidade e representação do terroir. Minha indicação, meio que obvia, é a de harmonizá-lo com uma boa carne. Saúde!


 Visual
Rubi intenso com reflexo violáceo
 Olfato
Frutas vermelhas maduras como a cereja, algo leve de pimenta preta e baunilha
 Gustativo
Forte, com taninos marcando presença, boa acidez e um final de boca agradável com boa persistência
 Harmonização
Carne, de preferencia com um bom churrasco.

Por Jonas Magalhães

quarta-feira, 10 de setembro de 2014

Don Pascual Reserve Pinot Noir 2013

Vinícola: Don Pascual
País: Uruguai
Região: Juanicó

Tipo: Tinto
Uvas: Pinot Noir

Álcool: 13,5%
Preço: R$34,00


Hoje analisamos o Pinot Noir do Establecimiento Juanicó, uma das maiores vinícolas Uruguaias, administrada pela família Deicas. Bem presente no mercado internacional, seus vinhos são de fácil acesso no Brasil. Esse Pinot Noir apresenta um ótimo custo benefício, vendido a R$34,00 no site Bodega Express.  

A uvas são colhidas manualmente de vinhas com baixa produtividade(melhor qualidade), 35% do vinho vai em carvalho e . 

O vinho apresenta na taça uma cor vermelha brilhante e clara(translúcida) com nuances de cobre. No olfato se destaca os aromas de frutas frescas como morango e cereja. Na boca é leve, elegante e bem refrescante. O final de boca tem boa duração e agradável, com retrogosto frutado.

Destaco no vinho sua relação honesta, vale cada centavo. Não apresenta uma grande complexidade, no entanto é bem correto, equilibrado e acima de tudo agradável. Ideal para um bate-papo ou harmonizar com petiscos e/ou comidas leves.


 Visual
Vermelha brilhante clara com nuances de cobre
 Olfato
Frutas frescas como morango e cereja
 Gustativo
Leve, elegante e bem refrescante. Final de boca com média duração e agradável
 Harmonização
Pratos leves

Por Jonas Magalhães

sexta-feira, 11 de outubro de 2013

Ysern Tannat Gran Reserva 2009

Vinícola: Bodegas Carrau
País: Uruguai
Região: Canelones
Tipo: Tinto
Uvas: Tannat
Álcool:14%
Preço: 50,00


Um blend, que é proveniente de uma corte especifico da mesma casta, a Tannat. São 50% da região de Cerro Chapéu e 50% de Las Violetas. Um vinho bem diferente, de uma uva tradicional no Uruguai.

Vamos ao vinho: Possui uma cor rubi com bordas grená. No olfato tem uma forte presença da madeira, até forte demais. Com um toques de especiarias e frutas vermelhas. Na boca tem boa acidez, com corpo médio e um sinal de defumado, proveniente da madeira. Boa persistência no final de boca.

É um vinho que tem boa qualidade e um apresenta uma relação honesta de custo-beneficio.



Nota: 86/100
 

 Visual
Rubi com borda grená
 Olfato
Madeira, frutas vermelhas e especiarias
 Gustativo
Boa acidez, corpo médio e defumado
 Harmonização
Cordeiro